inkjet-fingerprints-AgIC-smartphone-break

Biometria de smartphone é enganado por impressão a jato de tinta

Pesquisadores da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, conseguiram através de uma tinta especial desbloquear smartphones da Samsung e Huawei que possuem sensores de biometria.

A tinta em questão não é uma tinta convencional. Trata-se de um pigmento condutivo vendido pela AgIC. Os smartphones que foram vulneráveis a pesquisa são o Galaxy S6 e o Honor 7. Ambos utilizam sensores capacitivos para captura da impressão digital, prática comum no mercado. Os pesquisadores não conseguiram desbloquear um iPhone.

É claro que um hacker precisaria ter acesso a uma imagem de sua impressão digital em alta resolução para ser capaz de imprimir em qualidade suficiente para a invasão. Esta parece ser a única proteção no momento.

Veja o vídeo do feito: