Ubuntu Edge será um smartphone arrasador

Ubuntu Edge
Camadas do novo smartphone da Canonical – Imagem: Divulgação

Este é o momento da história da computação móvel em que podemos afirmar que a diversidade de pensamento proporciona séria inovação. Temos visto o movimento da Mozilla apoiando fortemente o crescimento de uma nova plataforma móvel aberta e focada em tecnologias web. Este pensamento atingirá boa parte do mercado de smartphones de entrada. E agora com pensamento divergente a Canonical investe em uma das campanhas de financiamento coletivo mais ousadas da história.

Todo este esforço para disponibilizar um smartphone com o seu novo sistema operacional móvel, o Ubuntu Mobile. E não apenas a nova plataforma, mas também um smartphone capaz de desbancar muitos modelos que consideramos hoje como sendo topo de linha. O smartphone foi batizado de Ubuntu Edge, justamente por forçar os limites.

Ubuntu Edge
Traseira do Ubuntu Edge com o logotipo Ubuntu – Imagem: Divulgação

Veja os detalhes da sua configuração:

• Processador de múltiplos núcleos (ainda não definido);
• 4 GB de memória RAM;
• 128 GB de armazenamento interno;
• Tela de 4,5 polegadas, com resolução de 1280 por 720 pixels (300 dpi);
• Proteção da tela com película de cristal de safira;
• Câmera traseira de 8 MP (que vai bem em pouca luz) e frontal de 2 megapixels;
• Conexão LTE (duas frequências suportadas), Wi-Fi 802.11 n (2,4 e 5 GHz), Bluetooth e NFC;
• Sensores: acelerômetro, giroscópio, proximidade, bússola e barômetro;
• Conector microUSB com suporte a MHL e P2 para áudio;
• Bateria de Li-Ion (com tecnologia de anodo de silício);
• Som estéreo com suporte a HD áudio, dois microfones para gravação (com cancelamento de ruído ativo);
• L x A x P [cm]: 6,4 x 12,4 x 0,9

O Edge vem com dois sistemas: Android e Ubuntu Mobile. Apesar de ter criado uma aliança entre fabricantes e operadoras de telefonia, este aparelho virá totalmente desbloqueado. A Canonical nas entrelinhas reforça que o poder de escolha é do usuário.

Deixe uma resposta